O que queremos da nossa vida!

A cada dia que passa é preciso repensar intensamente qual é nossa motivação na vida.

Eu tenho pensado e dito sem parar que o conceito de inteligência, educação e aprendizagem que domina o sistema atual não me convence. Para mim é um pensamento arcaico acreditar que o desenvolvimento intelectual se dá a maneira do exercitar físico, ou seja, que exercitar e dominar conceitos teóricos, acumulando informações, faça de nós cidadãos mais inteligentes, responsáveis, sensíveis e principalmente felizes.

Ao que parece não é preciso aprendermos sobre sermos humanos, ou pelo manos não é obrigatório, mas é obrigatório falar e escrever a língua mãe e mais uma pré determinada bem como estarmos apropriados da matemática mais complexa para apresentar mentes eficazes.

A medida provisória que modifica o Ensino Médio brasileiro está embasada nesse conceito arcaico envolto num discurso bonito, e mentiroso, sobre autonomia do jovem.

Autonomia?!

Pensemos por um segundo porque motivo um jovem autônomo tenha o direito de escolher se fará ou não matérias de humanas mas não pode  escolher se deve ou não se aprofundar em fórmulas que ele talvez nunca usará ou compreenderá.

De novo! Autonomia?!

História pra boi dormir eu diria! Oh vida de gado a nossa mesmo.

Eu prefiro não dormir, quero estar pronta pra me libertar das amarras sociais, de elaborar críticas relevantes, de me autocriticar, de ler e inferir sobre todas as coisas, não apenas português e matemática.

Não aceito:

http://g1.globo.com/educacao/noticia/reforma-do-ensino-medio-nao-deve-ser-feita-na-caneta-dizem-especialistas.ghtml

Admiro e pratico:


Categorias: Tags: , , , , , ,

DIGA-ME O QUE ACHA:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s