Trecho de “Americanah” – Chimamanda Ngozi Adichie

Por Cris Akemi

Lendo esse livro e todas suas nuances culturais reveladas sobre os Estados Unidos e a Nigéria, por uma nigeriana,  fico me questionando sobre o real conhecimento de mundo que se pode ter de longe.

Existe certa fragilidade na construção do conhecimento provocada pelo acesso a tanta informação sobre tudo de qualquer lugar que nos leva a impressão de que a Internet é capaz de nos contar verdadeiramente como é o mundo.

E isso porque esse trecho especificamente me fez lembrar de alguns brasileiros que insistem em vociferar que o Brasil é o país mais corrupto que existe. Conhecendo ou não todos os países do mundo aprofundadamente, será mesmo que é possível chegar a esse tipo de conclusão?! É certo afirmar que um país ou algum povo carregue um estereótipo qualquer independente da trajetória histórica,  dos elementos culturais e das especificidades de suas relações com outros países, considerando inclusive a interferência desses? Penso ser injusto e leviano!

Categorias:

1 Comment

DIGA-ME O QUE ACHA:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s