Será que sua criança interior não é um tanto adulta demais?!

Por Cris Akemi

A grande maioria das pessoas me dizem ser impossível que eu entenda a convivência familiar com crianças e ainda saiba opinar sobre algumas formas de educá-las,  porque não tenho filhos. Mesmo que,  sendo professora,  eu conviva com uma variedade bem maior delas e um número também maior de conflitos,  pois cada família tem um tipo de educação e eu tenha que lidar com cada uma delas harmoniosamente.

A mim esse conceito soa bem estranho. Se você tem uma criança,  pela qual assume total responsabilidade e as vezes se desespera, imagine quão difícil é ser tutor temporário de trinta crianças?!

Portanto,  não ter filhos não me desqualifica para opinar sobre questões acerca da educação das crianças. Talvez eu desconheça certas facetas da maternidade, e até tenha que refletir mais sobre determinadas posições, mas certamente quem pensa que sou incapaz de compreender e propor boas estratégias para a dinâmica familiar ignora por completo minha prática pedagógica.

Minha criança interior fala fluentemente a língua da infância e a sua?!

Procuremos não julgar as competências alheias para justificar nossas próprias falhas, mas aprender com quem apresenta outras alternativas,  mesmo que não sejam aquelas com as quais concordamos.

2 Comments

  1. Sim amiga, muitas falam isso mesmo.. e eu ate entendo o porque… mesmo sendo irritante rs mas somos muito boas nisso tambem como professoras,,, o que vejo hoje no meu caso.. porque cada um ‘e bem grande rs.. que o meu filho me ajuda nas aulas.. e o contrario nao funciona muito.. ou seja.. eu erro muito ao educa-lo as vezes e talvez seja isso que ela deva estar tentando falar contigo…pois no meu caso estou cansada e acabo deixando a parte mais importante escapar.. duro mas fato..infelizmente.. vivendo e aprendendo.. muito legal seu texto..e inspira a tentar sempre o melhor com as criancas sejam elas filhos ou cri ancas da escola..

    Curtido por 1 pessoa

    1. Então, eu nunca opino sobre a educação de filho de ninguém se não me perguntam, mas as vezes me pedem opinião e depois, como não gostam dos eu digo dizem que é porque não tenho filhos, rs. Mas eu considero muito diferente a relação pais e filhos e boas alternativas de educar, pois o fato de como pais não se conseguir fazer determinadas coisas, por estar cansado, triste, com problemas, não significa que não há ações mais corretas a se tomar. Assim como para professores. O que mais me chateia é quando eu observo a falta que faz estimular a criança a uma brincadeira, uma leitura e dizem que eu não sei o que estou dizendo, porque eu faço exatamente isso com 30 crianças todos os dias, nem tudo que é necessário é fácil né?! E geralmente quando me posiciono sobre algo é justamente no intuito de inspirar, de mostrar que existem caminhos que podem ser seguidos sem tanta lamentação. Que bom que você gostou! Fico muito feliz!

      Curtir

DIGA-ME O QUE ACHA:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s